quarta-feira, 17 de junho de 2009

***OVERDOSE SEXUAL***


Tinha muitos sonhos, desde criança já imaginava o glamour que teria quando adulta.


Mas a vida de adulta não era tão glamorosa assim, como constatou ao fazer 18 anos e ser multada por estacionar num local proibido[achava que ser tinha carteira de motorista agora, tudo podia].


Apaixonou-se perdidamente e quis casar. Depois de um ano já cansada da rotina de dona de casa, quis comprar um computador pra fazer-lhe companhia. Navegando na net descobriu que podia ter amantes sem perigo de DSTs.


Timidamente começou a envolver-se com alguns contatos das salas de bate-papo. Passou pro MSN. Teclava algumas horas por dia. Só por distração dizia ela.


Do MSN passou pro Skipe. Web Cam agora era imprescindível. Som e imagem. Perfeitos pra passar o tempo.


Foi percebendo que o legal era ter vários homens interessados nela. Sua vidinha medíocre fazia com que precisava sentir-se amada.


Jogava charme pra todos os que encontrava na NET. Novos, velhos, não importava a idade.


Aos poucos foi se envolvendo de tal maneira que sentia que queria mais. Precisava fazer com que os amantes virtuais passassem a ser mais reais. Desprezava os que não poderiam ser amantes reais. Só dava bola praqueles que pudessem, algum dia, satisfazê-la na realidade.


Fazia sexo pelo telefone. Masturbava-se em frente a cam, muitas vezes ao dia. [Tinha que satisfazer seus vários amantes]. Seu marido, nem percebia [ela continuava a transar com ele, e estava com uma performance melhor do que nunca.]


No fim do ano, nas férias foi pra capital, curtir a praia, já que o marido não poderia ir por causa do trabalho, foi sozinha. Ah! Fez mil planos. Comprou langeries sexys, roupas provocantes e começou a marcar encontros com os ‘amantes’. Quatro eram seus preferidos. Ficaria duas semanas na capital, poderia ficar com cada um pelo menos 3 vezes, pensava.


Ao descer no aeroporto um dos seus homens já a esperava. Dali pro motel foi um pulo. Sentia-se fatal. Seu desempenho na cama foi melhor do que uma prostituta.


Foi pro hotel e rebolava feliz ao entrar na recepção. Teria um outro encontro mais a noite.
A semana passou num turbilhão. Chegou a transar com 3 dos seus amantes em apenas um dia.
Nos últimos dias, tentava disfarçar as olheiras com maquiagem, porém não sentia-se cansada. Estava felicíssima com seu sucesso sexual.


Teve uma idéia! Talvez juntar os amantes ...Sondaria-os pra ver o que achavam.


Notavelmente...Toparam. Claro que ela não disse que eles eram seus amantes, pediu pra que nenhum dissesse ao outro coisas da intimidade deles, com um papo muito convincente sobre sigilo ela os convenceu.


Marcaram o encontro numa suíte de um hotel chique da capital. Espaçoso, amplo, tinha uma piscina no terraço. Lindo espaço.


Um a um foram chegando. Ela inegavelmente estonteante. Vestida pra matar.


Beberam algo pra descontrair e pra sua surpresa eles se sintonizaram muito bem. Ela pra provocar, ora sentava no colo de um, ora no colo de outro. Beijava um , e outro...


Não sabe como começaram a se despir, mas quando deu por si estavam todos os 4 enroscados de alguma forma nela.


Rolou de tudo ali. Sexo anal, oral, dupla penetração.Uma suruba completa.


Nem viram a noite passar. Ela já estava rouca, trêmula e cansada, foi tomar um banho e disse que voltava em instantes. Demorou muito pra voltar, um dos homens foi bater na porta do banheiro, mas não obteve resposta.


Abriu a porta e viu-a caida no chão. Pediu ajuda, o resgate chegou pouco tempo depois de acionado. Até hoje ninguém entendeu o laudo do IML. Inédito na história da capital. A moça morrera de overdose sexual.


No outro dia, além dela constar nos obtuários, também constava nos contatos de muitos homens na net. Mas era apenas mais uma em off.


Ah...e o marido...Casou com uma moça que conhecera num site de relacionamentos.

[:o]

2 comentários:

  1. O excesso também mata.
    Beijos saborosos

    ResponderExcluir
  2. Um lindo final de semana pra ti querida,,,beijos na alma..

    ResponderExcluir

Sejam muito mal-intencionados! Beijos tântricos!